Arquivo para fevereiro, 2014

Araraquara, 21 de fevereiro de 2014

 

Setor: Berçário I, Berçário II e Período Integral

Ref.: Carnaval

 

Senhores Pais, Conforme calendário escolar, está previsto para a semana de carnaval :

• De 03/03 a 05/03 (segunda a quarta-feira) – feriado de carnaval e cinzas para todos os alunos do período matutino e vespertino;

• 05/03 (quarta-feira)– retorno às atividades à partir das 12h somente para os alunos do período integral (berçário e recreação).

• 06/03 (quinta-feira) – retorno às aulas e atividades acadêmicas para todos os alunos

 

Bom carnaval!!

Atenciosamente,

A Coordenação

Araraquara, 21 de fevereiro de 2014

 

Setor: Berçário I, Berçário II e Período Integral

Ref.: Carnaval

 

Senhores Pais, Conforme calendário escolar, está previsto para a semana de carnaval :

• De 03/03 a 05/03 (segunda a quarta-feira) – feriado de carnaval e cinzas para todos os alunos do período matutino e vespertino;

• 05/03 (quarta-feira) – retorno às atividades à partir das 12h somente para os alunos do período integral (berçário e recreação)

• 06/03 (quinta-feira) – retorno às aulas e atividades acadêmicas para todos os alunos

 

Bom carnaval!!

 

Atenciosamente,

A Coordenação

Araraquara, 21 de fevereiro de 2014

 

Setor: Educação Infantil, 1° ao 5° ano do Ensino Fundamental

Ref.: Carnaval

 

Senhores Pais, Comemoraremos o carnaval dia 28 de fevereiro (sexta feira) em horário de aula; os alunos podem trazer adereços ou fantasias. Não será permitido “espuminha”. Retornaremos às atividades normais dia 6/03 (quinta-feira). Desejamos à todos um bom carnaval!!

 

Atenciosamente,

A Coordenação

 

Araraquara,21 de fevereiro de 2014

 

Setor: Todos

Ref.: Carnaval

 

Senhores Pais, Comemoraremos o carnaval dia 28 de fevereiro (sexta feira) em horário de aula; os alunos podem trazer adereços ou fantasias. Não será permitido “espuminha”. Retornaremos às atividades normais dia 6/03 (quinta-feira). Desejamos à todos um bom carnaval!!

 

Atenciosamente, A Coordenação

Apesar do  papel ter surgido só no século 2 a.C, (Antes de Cristo),  há notícias de que os primeiros homens usavam alguns meios para registrar sua vida ou história: rabiscavam nas cavernas,  usavam folhas de palmeiras na Índia,  os esquimós usavam ossos de baleia e dentes de foca e na China escreviam em conchas ou em cascos de tartaruga.

Antes de surgir o papel como conhecemos, o papiro e o pergaminho desempenharam a função  de ser o meio de escrita com propriedades que mais se aproximaram da matéria prima que utilizamos hoje em dia.

papiro, foi inventado  no século 4 a.C. pelos egípcios  que usavam  a cana (Cyperus papyrus) para produzir o papiro. A fibra da cana era colocada lado a lado em duas fileiras,  prensadas e postas para secar. O papiro foi usado não só pelos Egípcios, mas também pelos gregos, romanos, persas e árabes durante muitos séculos. E, apesar de ser um material muito frágil, ainda hoje é possível encontrar documentos em papiro nos museus, pois através da escrita nesse material foi que conhecemos muito da história da Antiguidade.

No século 2 a.C, surgiram o pergaminho e o papel.  O pergaminho  era  feito de pele de animal  (carneiro, bezerro ou cabra) , que era  limpa, curtida, lixada e esticada em armações de madeira.  Diz-se que ele foi inventado na na colônia grega de Pérgamo (atual Bergama, na Turquia) dai o nome Pergaminho. Depois do papiro, o pergaminho foi  o  meio mais importante de escrever usado na Europa.

Finalmente no ano 105, ainda no século 2 a.C, o o chinês T’sai Lun fez um  processo parecido com a criação do pergaminho, mas usando restos de roupa, cordas e cortiça . Em uma tina ele cozinhou todos esses materiais e colocou a polpa que resultou dessa mistura em bandejas lisas de madeira. Depois, prensou as bandejas, retirou o excesso de líquido e pendurou as folhas para secar no sol, em um varal. E estava inventado o papel. Porém, o papel só chegou à Europa, mil anos depois.


Hoje em dia o papel é feito em processo semelhante, só que com máquinas e tecnologias melhores e em quantidades maiores, mas a base continua ser vegetal; a celulose, extraída de lascas de madeiras.

Fonte: Mundo Estranho e Cola da Web.

 



Apesar do que muitos podem pensar, o Carnaval não é uma festa inventada por brasileiros, mas tornou-se um dos mais importantes eventos do país, movimentando a economia das cidades que trazem esse evento no calendário turístico.

Há duas versões para o surgimento do Carnaval. A primeira diz que o Carnaval  surgiu com as festas populares  da era pré-cristã  realizadas no Egito, Roma e Grécia, para celebrar o fim do inverno e a chegada do plantio de lavouras. Usando máscaras e fantasias, as pessoas comemoravam nessa festa o  carnevale, ou  seja, Carne + Vale = Carnaval, um momento em que  davam “adeus à carne”  e comemoraram a colheita farta.

A segunda explicação tem origem na religião e teria  surgido  ligada a comemoração da Páscoa, um momento de reflexão necessário depois de um período de comilança e diversão por 47 dias, chamado de Terça-Feira Gorda.

No Brasil,  começaram a aparecer os primeiros blocos carnavalescos e os famosos “corsos” no final do século XIX.  Os corsos tornaram-se muito populares pois traziam não só pessoas  fantasiadas, mas  carros decorados e grupos fantasiados desfilando pelas ruas, dando origem aos atuais carros alegóricos das escolas de samba.


A partir do século XX, o carnaval foi crescendo e tornando-se cada vez mais uma festa popular, surgindo músicas específicas para essa festa, as chamadas “marchinhas carnavalescas”.

Já as escolas de samba como conhecemos, surgiram primeiro no Rio de Janeiro com o a  escola Deixa Falar,  criada pelo sambista carioca Ismael Silva e depois tornou-se a famosa escola Estácio de Sá. Logo em seguida,  São Paulo criou suas Ligas da Escola de Samba e a partir dai os primeiros campeonatos entre as escolas.

Mas o Carnaval não é só feito de escolas de samba. Em outros Estados  o carnaval de rua ainda é realizado com toda as tradições originais na região Nordeste do Brasil, como por exemplo em Recife e Olinda, onde as pessoas saem as ruas ao som do frevo e do maracatu. Também em Recife temos a tradição dos bonecos gigantes.

E não podemos esquecer os trios elétricos de Salvador, na Bahia, que arrastam multidões às ruas e originaram blocos famosos como como o Olodum,  o Ileyaê e Afoxé Filhos de Gandhi.

E você como gosta de comemorar o carnaval no seu clube ou viajando com a família?

Fonte Portal Terra

 

Fevereiro é o mês mais curto que temos durante o ano, normalmente ele tem 28 anos, mas a cada 4 anos, o mês tem 29 dias.  Mas por que, afinal, fevereiro tem 28 dias?

A origem pode estar nos povos romanos. Nosso calendário moderno é baseado no calendário romano e apesar de não haver muitos registros, existe uma lenda que conta que  Rômulo, o primeiro rei de Roma, concebeu um calendário lunar de 10 meses, que começou no equinócio da primavera, em março e terminou com dezembro.

Nos registro encontrados não fica claro se houve algum mês oficial entre dezembro e março, mas é provável, que sim, pois naquela época o período de inverno não era importante para a colheita, e datas e festas sempre estavam relacionados a isso.

Porém, o segundo rei de Roma, Numa Pompílio, decidiu fazer um calendário mais preciso, de acordo com o ano lunar, que dura cerca de 354 dias. Então inseriu mais dois meses, janeiro e fevereiro, depois de dezembro para dar conta dos novos dias.

Também conta que  o mês de fevereiro, Februarius, foi nomeado após o februum termo latino, o que significa purificação. Pois o ritual de purificação Februa era realizado no dia 15 de fevereiro (lua cheia) no antigo calendário lunar romano . Em determinados anos o mês de Fevereiro, foi mudado para 23 ou 24 dias, e com um mês intercalado de 27 dias.

Com o passar os dos e sob as reformas que instituiu o calendário juliano, Intercalaris, essa mudança de dias no mês de fevereiro foi abolida, e os anos bissextos ocorreram regularmente a cada quatro anos, e em anos bissextos fevereiro ganhou um dia 29. Depois disso, fevereiro foi mantido como o segundo mês do ano civil, ou seja, a ordem em que são exibidos meses (janeiro, fevereiro, março, …, dezembro).

 

Curiosidade de Fevereiro

 

Fevereiro começa no mesmo dia da semana que março e novembro, em anos comuns, e em agosto quando o ano é bissextos. Fevereiro termina no mesmo dia da semana que outubro todos os anos e no mesmo dia da semana que janeiro em apenas anos comuns. Em anos bissextos, é o único mês que termina no mesmo dia da semana que começou.

Tendo somente 28 dias nos anos comuns, é o único mês do ano que pode passar sem uma única lua cheia. Isto aconteceu em 1999 e voltará a acontecer em 2018.

 

  • (16) 3336 5333
  • |
  • contato@pueridomusararaquara.com.br
  • |
  • Avenida Vespaziano Veiga, 500 - Vila Harmonia
  • |
  • Araraquara - SP
Powered by WSI