Arquivo para abril, 2014

Desde  1889  no dia Primeiro de maio é comemorado o dia do Trabalho. Mas antes não havia muito motivo para festas, o sistema trabalhista não era tão definido e exigia muito dos trabalhadores, entre eles, mulheres e crianças.

Devido a esses e outros problemas, no dia 01 de maio de 1886,  os trabalhadores de Chicago, EUA, fizeram uma grande manifestação por melhorias nas condições de trabalho, que resultou em greve, confrontos com a polícia e a morte de manifestantes, no que ficou conhecida por  Revolta de Haymarket e incentivou trabalhadores de  vários países a lutar pela causa trabalhista.

O primeiro país a estabelecer essa data como Dia do Trabalho foi a França, no  Dia Mundial Congresso Socialista realizado em Paris em 1889. Depois outros países adotaram a prática e então a maioria dos trabalhadores folga nesse dia, aproveitando para descansar e passar o dia com a família.

Como neste ano o feriado cai em uma quinta-feira, pode ser que sua família não consiga viajar. Sugerimos então, uma lista de atividades que vocês podem fazer em família em Araraquara.

Vamos ao roteiro:

1) Visitar pontos turísticos

Igreja da Matriz  São Bento – Aproveite e visite com calma a igreja. Ela tem esse nome pois São Bento é o padroeiro de Araraquara, e tem seu dia celebrado no dia que se considera a fundação da cidade, 22 de agosto de 1817.

Parque Infantil – com árvores e espaços para você andar de bicicleta ou caminhar com irmãos e papais, respirando ar puro

Rua 5  ou Boulevard dos Oitis – normalmente cheia de carros e com a correria dos dias nem percebemos a beleza da rua 5, que é formada pelas árvores de oitis, que em arco dão um visual todo especial e suas ruas em paralelepípedos.

2) Saborear produtos da terrinha

Sorveteria Kawakami – a tradicional sorveteria da cidade e seus já famosos sabores é uma parada obrigatória

Coxinhas Douradas de Bueno – se o passeio se estender bem próximo do almoço, sugira aos papais para comerem uma das famosas coxinhas do Distrito de Bueno de Andrada.

Mimosa – Uma  tubaína Mimosa geladinha vai bem com a coxinha ou simplesmente para aplacar a sede.

3)  Passeios alternativos

Shopping Jaraguá ou Lupo –  Visitar as lojas e aproveitar a praça de alimentação dos Shoppings. Neste segundo, a torre do relógio é um famoso marco da cidade, pois ali funcionava a primeira fábrica de meias da Lupo.

Cinema – Aproveite para pegar um cinema em família.

Paintball – Uma tarde de paintball com a família seria bem divertida

Aeroclube de Araraquara – Será que encaram um voo panorâmico sobre Araraquara?

Desejamos um bom feriado do Dia do Trabalho para seus pais e um bom passeio em família!

Pueri Domus  – Araraquara – Vozes e Rostos da Lusofonia

Em 2014 comemoramos 800 anos da Língua Portuguesa em todos os países que têm como língua materna essa “última flor do Lácio, inculta e bela” como já poetizou Olavo Bilac.  A língua é mãe, é identidade, é ferramenta, nos instiga e nos faz SER num mundo, ao mesmo tempo, diverso e único. Por esses aspectos e por outros mais íntimos ou subjetivos motivos, comemorar, exaltar e usar a língua portuguesa das mais variadas formas e possibilidades é dever, é responsabilidade e, principalmente, é amor pela cultura, pela arte da palavra em sua múltipla manifestação.

Neste momento da história, a Escola Pueri Domus é representada por todos os seus alunos que durante as Oficinas de redação se manifestaram através da palavra, produzindo textos de variados gêneros e através de pequenas atitudes e maneiras firmaram um pouco mais a Língua Portuguesa no mundo. Seja na produção poética, na crítica social, na arte da palavra por um viés multimodal, nossas crianças e adolescentes puderam se mostrar cidadãos, seres que constroem a sociedade e são socialmente construídos.

 

Oficinas

1. Poetizando a vida – 6° ano

2. O texto hoje : um pensar multimodal – 7° ano e 9º ano

3. Discurso como prática social: Penso, logo existo… – 8° e 9° ano

A Páscoa é essencialmente um feriado cristão, mas nem sempre foi assim. Há registros da comemoração da Páscoa em séculos anteriores. Sua comemoração é ligada à vida, à fertilidade e renovação.

Entre povos europeus que comemoravam a Páscoa há milhares de anos atrás., estão os moradores da região do Mediterrâneo. Muitos deles festejavam a passagem do inverno para a primavera, durante o mês de março, uma época em que a primeira lua cheia é a chegada das flores e o fim do inverno , um período com maiores chances de sobrevivência e de aumento da produção de alimentos.

O termo “Páscoa” de origem religiosa, vem do latim Pascae. Entre os primeiros cristãos, esta data celebrava a ressurreição de Jesus Cristo. -  para os cristãos, Jesus alma voltou a se unir ao seu corpo após a sua morte – . A  semana anterior à Páscoa é considerada como Semana Santa e  tem início no Domingo de Ramos que marca a entrada de Jesus na cidade de Jerusalém. Já as comemorações da Páscoa eram realizadas no domingo seguinte ao equinócio da Primavera .

Em um post anterior do nosso blog comentamos como surgiram os ovos de Páscoa, mas é importante saber que eles simbolizam a vida e a renovação.

Ainda falando na Antiguidade,  na Grécia Antiga também encontramos a palavra Páscoa como Paska. E os dados de comemoração da Páscoa mais remotos remetem aos hebreus. Eles usavam  o termo Pesach, cujo significado é passagem.

Independente de crenças e costumes é  importante é que o espírito de todos esteja unido em harmonia e com desejos de renovação da esperança e seja um momento de felicidade entre os familiares. Desejamos uma boa Páscoa a todos!

Antes de tablets, smartphones, games, o que divertia a criançada eram brincadeiras que exploravam a união dos amigos e incentivavam a criatividade. Faziam parte o pega-pega, bolinha de gude, jogo do elástico, amarelinha, futebol de botão e muitas outras brincadeiras.

Para resgatar esses momentos, o SESC criou a exposição Trilhas do Brincar. A exposição está sendo realizada na unidade Araraquara desde 04 de janeiro e vai até 10 de agosto.

A ideia foi transformar o SESC Araraquara em um grande quintal , incluindo uma cenografia que lembra esse ambiente criada por Marisa Bentivegna e com a curadoria da jornalista Gabriela Romeu sobre as brincadeiras.  Em cada parte do cenário, são mostradas brincadeiras e cantigas de roda de uma região, incluindo  rotas aquáticas, que simulam a navegação em barquinhos pelas crianças do Ceará e Amazonas.

A exposição é interessante que seja feita com os pais também, pois ao acompanharem as trilhas relembram com os filhos como eram essas brincadeiras e cantigas na sua infância.

Esse resgate das brincadeiras vem bem a calhar, em um momento que muitos estudiosos e pais reclamam da adesão das crianças aos gadgets eletrônicos, que acabam por isolá-los do contato físico fazendo com que se comuniquem mais online.

Um outro fator positivo das brincadeiras ao ar  livre, principalmente de pega-pega, queima, bets ou futebol, ajudam as crianças a praticarem exercício e aumentam ainda mais a socialização dela com outras crianças, possibilitando fazer novos amigos.

Pensando no resgate coletivo das brincadeiras, uma informação útil é que a exposição recebe grupos escolares de terça à sexta-feira, das 13h00 às 21h30 e aos sábados, domingo e feriados das 9h30 às 18h00. Os agendamentos podem ser feitos através do email: agendamentotrilhas@araraquara.sescsp.org.br e pelos telefones (16) 3301-7528  e  3301-7500.

Que tal organizar uma visita com a sua classe e ir conferir de perto essas brincadeiras?


O vestibular ainda é o bicho papão de muitos adolescentes. Por mais preparado que o aluno esteja e tenha uma rotina firme de estudos,  leituras, exercícios, resumos e reforços, nem sempre é garantia que tenha sucesso na aprovação.

São vários os fatores que interferem no bom resultado no vestibular. Além do preparo educacional, a quantidade de vagas por candidato, chegar em tempo para fazer a prova, fazer a prova com calma e o mais importante, não ficar nervoso ou tenso a ponto de prejudicar sua performance.

Tenha em mente o curso que deseja e se empenhe para isso. A pressão para passar logo em seguida do término do Ensino Médio, é grande. Às vezes por parte dos pais, dos amigos ou até do próprio aluno. A pior de todas as cobranças é a do próprio aluno. A cobrança para passar logo é tão grande que cria-se uma tensão desnecessária e cada vez maior.

Mas e se não passar? Procure transformar a frustração em algo produtivo. Já parou para pensar que pode não estar pronto para começar esse curso ou morar sozinho?

Sendo assim, invista mais em preparo tanto de estudos como para os primeiros passos da vida adulta. Nesse tempo em que vai estudar mais um pouco para conseguir passar no vestibular, comece a trabalhar também essas questões.  Combine com seus pais e comece a treinar sua “independência”. Aprenda a cozinhar, passe a cuidar das suas roupas  e assumir as responsabilidades das suas coisas. Será mais fácil tendo seus pais por perto.

Mas e como lidar com a frustração?  É normal ficar triste por não ter conseguido, mas não deixe que isso consuma mais tempo do que necessário. Se você perceber que isso está durando mais do que deveria e trazendo uma angústia que pode prejudicar a próxima tentativa, converse com seus pais e tentem a ajuda de um profissional para lidar com isso.

Se você está nessa fase, indicamos foco nos estudos,  horas de lazer para relaxar a mente , muita água e calma para o próximo vestibular. Desejamos sucesso!

  • (16) 3336 5333
  • |
  • contato@pueridomusararaquara.com.br
  • |
  • Avenida Vespaziano Veiga, 500 - Vila Harmonia
  • |
  • Araraquara - SP
Powered by WSI