Arquivo para maio, 2015

No dia 26 de Junho, o Google homenageou Sally Ride, a primeira Astronauta norte-americana da NASA a ir ao espaço. Sally recebeu vário Doodles (desenhos do Google em homenagens às datas comemorativas) para prestigiar seu aniversário, que caso estivesse viva, completaria 64 anos. Na década de 80, Ride participou de um programa da NASA para recrutar mulheres para integrar as equipes que fariam viagens espaciais. Ao todo foram 2 viagens e a somatória das horas de voo totalizaram 340 horas.

Engana-se quem acha que a Ciência não é coisa para garotas, várias cientistas foram essenciais para o desenvolvimento e progresso científico, com sua dedicação e conhecimento fizeram muito pela Humanidade. No entanto, o campo científico ainda é restrito para mulher, pois há desigualdade de gênero. Ainda circula o estereótipo da figura do homem descabelado, imerso aos livros e aparelhos de laboratórios, antissocial e genial, já as mulheres são retratadas como pessoas que não se dão bem com cálculos e que não passam de seres sensíveis demais para lidarem com tecnologia. Tanto homens, quanto mulheres podem se dedicar à Ciência ou qualquer outro tipo de saber, esses estereótipos devem ser superados para que haja igualdade, surjam mais conhecimentos e melhores oportunidades profissionais.

Na História da Ciência, nomes como Marie Cury, a primeira mulher a ganhar o Nobel e Ada Lovelace, a primeira programadora, circulam entre nomes masculinos, muitas vezes sem a mesma relevância . Hoje, vê-se a necessidade de incentivar mais as garotas a adentrarem nesse universo. Pensando nisso, algumas iniciativas, como a do Google que investiu em projetos para encorajar meninas a criarem interesse em Ciências da Computação enquanto ainda estão na escola. O programa chama-se Made With Code e qualquer pessoa pode fazê-lo, mas o que chama atenção é o design e layout mais feminino, justamente para atrair esse público. Além disso, lá são encontradas mulheres que vivem de programar, como Miral Kotb, uma coreógrafa e dançarina de hip hop, Danielle Feinberg, que é uma cinematografista na Pixar – empresa de animação – e Erica Kochi, uma humanitária que luta contra a malária espalhada no mundo. As três usam programação em seus trabalhos e é esse o mote da campanha, que programar vai ajudar as pessoas em qualquer carreira que ela seguir.

Pesquisas apontam que sete em cada dez meninas se interessam pelo estudo científico, contudo duas, entre essas dez, acabam seguindo alguma carreira relacionada. Grande parte do desencorajamento pela carreira deve-se ao ambiente extremamente machista e discrepâncias salariais. Disso tudo, o que sobra é o desestímulo e grandes potenciais desperdiçados.

A Astrofísica brasileira, Thaisa Storchi Bergmann, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul ganhou o prêmio L’Oréal – UNESCO para Mulheres na Ciências – , pela dedicação à pesquisa sobre buracos negros. Sua pesquisa levou ao entendimento de como buracos negros massivos se formam nos centros das galáxias, como evoluem e como moldam as galáxias. Para incentivar mais mulheres nas pesquisas, a UNESCO também premia estudantes-pesquisadores, como foi o caso da brasileira Carolina Andrade, da Universidade Federal de Goiás, uma das 15 contempladas no Talentos Internacionais em Ascensão deste ano, que receberão 15 mil euros cada. Ela foi reconhecida por sua pesquisa para o tratamento da leishmaniose, doença que afeta cerca de 12 milhões de pessoas em todo o mundo.

Ciência é coisa de menina, de menino, de todos! Por isso o incentivo para que mais mulheres se adentrem nesse universo para que esse campo não continue tão desigual e agregue mais pessoas.

Referências:

https://www.madewithcode.com/mentors
http://addictable.com.br/2015/04/06/girls-do-science-ciencia-coisa-de-menina/
http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/about-this-office/single-view/news/brazilian_scientist_receives_the_international_award_loreal_unesco_for_women_in_science/#.VWRqMU9Viko
http://blogs.ne10.uol.com.br/mundobit/2015/03/07/10-cientistas-mulheres-que-fizeram-historia/

A todo momento nosso organismo gasta energia para manter suas atividades vitais. São inúmeras funções que o corpo desempenha, mesmo quando estamos dormindo. Na época da infância, a alimentação é de importância crucial, já que é nesse período que o corpo está em crescimento, e a criança desenvolvendo seus hábitos alimentares. Durante os dois primeiros anos da criança, ocorre um intenso e rápido crescimento físico e desenvolvimento emocional, cognitivo e social, uma alimentação saudável é essencial para que não haja sequelas para a vida toda.

Uma dieta balanceada e hábitos alimentares saudáveis desde a infância proporcionarão índices positivos de saúde e favorecerão o perfeito desenvolvimento físico e intelectual, reduzindo os transtornos causados pelas deficiências nutricionais comuns a este estágio de desenvolvimento e evitando a manifestação da obesidade e outros distúrbios alimentares. A família, a escola e a sociedade possuem responsabilidade em favorecer a adoção de um comportamento saudável por parte das crianças para que elas tornem-se capazes de encontrar um equilíbrio alimentar e alcançar uma boa qualidade de vida com repercussões positivas na adolescência e na vida adulta.

A Escola Pueri Domus oferece a seus alunos, do Berçário ao 5° ano do Ensino Fundamental I, que estudam em período integral, alimentação balanceada e de qualidade, a fim de promover saúde e educação nutricional às crianças. Neste intuito, a Milano é a nova parceira da escola e traz alimentação de qualidade e balanceada, com todos os nutrientes necessários, baseada na Pirâmide Alimentar.  A proposta da Milano é trabalhar de forma criativa a alimentação e incentivar o consumo adequado dos alimentos. São trabalhadas todas as refeições do dia para as crianças que estudam em período integral, do café da manhã até o jantar. Também oferecem a opção aos pais de levar para casa o jantar já pronto para darem aos filhos.

Segue a tabela das refeições referente ao mês de Maio (clique na imagem para ampliá-la):

Referências:

http://www.minhavida.com.br/familia/materias/17620-cuidados-com-o-consumo-de-acucar-na-alimentacao-infantil

http://vivomaissaudavel.com.br/alimentacao/alimentacao-infantil/

Há algum tempo, uma senhora de 99 anos apareceu em noticiários pela sua atitude. Ela se dispôs em costurar 1000 vestidos para meninas carentes da África em comemoração aos seus 100 anos. Todos os dias, Lilian Weber, moradora de Iowa, nos Estados Unidos, costura um vestido e customiza-o para que ele seja único, assim como quem irá recebê-lo. Caprichosa como ela só,  a senhora quer incentivar as meninas a se sentirem bonitas e orgulhosas de si mesmas. Todos os vestidos serão entregues a uma instituição chamada Little Dresses for Africa, instituição beneficente que distribui vestidos às meninas de orfanatos, escolas e igrejas da África. Já foram entregues 2,5 milhões de roupas e agora, o sonho aumentou e querem distribuir bermudas aos meninos.

Essa história encheu os olhos de uma pernambucana, Tereza Maria Matos, de 54 anos, funcionária pública, e despertou a vontade de sentar todos os dias em frente à máquina de costura e fazer um vestido diferente por vez. Será costurado um vestido diferente todos os dias até o final do ano. No Natal ela deseja levar os vestidos prontos para serem entregues para as meninas que estejam próximas dela no sertão do Pernambuco.

Com base nessas notícias, o projeto “Vestidos em algodão para meninas do Sertão” se formou para agradecer a uma graça alcançada por Tereza e repercutiu via Redes Sociais por todo o Brasil, aumentando o número de pessoas interessadas em colaborar. Começou com apenas uma pessoa, e aos poucos foi juntando outras pessoas dispostas a contribuírem com alguma forma de trabalho. O sonho tomou proporções que Tereza não esperava e já se vislumbram levar bermudas aos meninos também.

A Escola Pueri Domus embarcou nessa iniciativa e quer fazer parte dessa história, arrecadando material de costura para o projeto. Estabeleceu-se um movimento: Que classe é mais solidária? Uma Campanha do Bem entre os alunos.

Para participar, deve enviar à escola tecidos de algodão de preferências com motivos masculinos, retrós de linhas, sianinhas, fitas, botões, agulhas de máquina, para a confecção das bermudas para os meninos do sertão.

A campanha teve início na terça-feira, dia 12 de Maio, e no dia 12 de Junho enviaremos o primeiro lote das doações. Participem todos! Fazer o bem é muito bom e gratificante!

Referências:

JC Online 

Revista SuperInteressante

 

Estudar vai além da sala de aula e não é uma tarefa fácil, principalmente quando se é adolescente e há várias distrações como o celular, televisão e a internet que podem atrapalhar a rotina de estudos. Para auxiliar o aluno a aprender a estudar efetivamente, a Escola Pueri Domus, desde de 2005, pratica aulas de tutorias, que são aulas voltadas para a fixação do conteúdo. Hoje, essa prática é dita com inovadora, mas nossa escola já a desenvolve há 10 anos.

Essas aulas são realizadas através da colaboração de um Tutor que foca em conteúdos específicos para cada série do Ensino Fundamental II. O aluno aprende com assuntos próximos ao seu universo e o tutor elabora atividades em grupos de estudos numa abordagem lúdica para as mais variadas disciplinas.

A função de reforçar o estudo é da família, contudo a escola dá uma ajuda aos pais preocupados com o rendimento dos filhos. A proposta da Tutoria é ajudar  alunos com dificuldade na aprendizagem ou os menos disciplinados na organização das tarefas e pesquisas, além da preparação para os testes e avaliações. Nesse espaço, o aluno aprende métodos de estudos e criam hábitos de estudos que fogem da ideia da decoreba, focando na aprendizagem a longo prazo.

O objetivo desses encontros é transformar o aluno em sujeitos autônomos, através de uma base sólida de conhecimento e o desenvolvimento do compromisso de estudar. O aluno como agente é convocado a expressar suas ideias durante as aulas de tutoria, que também valorizam a formação de trabalho em conjunto e reflexão sobre o andamento do processo ensino-aprendizagem.

O aprendizado é realizado de forma consciente, baseados em exemplos práticos do cotidiano a fim de torná-lo capaz de lidar com situações novas, aprimorar o uso das diferentes linguagens e a capacidade de resolver problemas, ao mesmo tempo que se constrói respeito às opiniões de outras pessoas.

A Escola Pueri Domus forma cidadãos conscientes que constroem todos os dias conhecimentos sólidos para levar para a vida.

Referências

http://educacao.estadao.com.br/noticias/geral,escolas-recorrem-a-tutoria-para-ensinar-aluno-a-estudar-imp-,1655803


O 2º ano realizou uma atividade sobre Gênero Textual: Biografia (Autobiografia), confira as fotos na nossa página do Facebook: http://wsi.is/qkt

  • (16) 3336 5333
  • |
  • contato@pueridomusararaquara.com.br
  • |
  • Avenida Vespaziano Veiga, 500 - Vila Harmonia
  • |
  • Araraquara - SP
Powered by WSI